• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • Não categorizado
  • Procurador do MPT-PB Carlos Eduardo tem foto descerrada na galeria de presidentes da ANPT
  • O Ministério Púbico do Trabalho (MPT) lançou a campanha de conscientização para incentivar a inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. A campanha foi criada por ocasião do Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência – 21 de setembro, conhecido também como “Dia D” – e é composta por imagens e vídeos para difusão em redes sociais pelas unidades do MPT de todo o país.
  • O procurador Carlos Eduardo de Azevedo Lima tomou posse na tarde desta segunda-feira (2/10), em Brasília (DF), como novo procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB). A solenidade de posse dos novos procuradores-chefes das 24 Procuradorias Regionais do Trabalho aconteceu na sede da Procuradoria-Geral do Trabalho (PGT), na Capital Federal.
  • Curso abrirá inscrições em outubro e participantes receberão certificação O Ministério Público do Trabalho (MPT) vai oferecer o curso gratuito para capacitar conselheiros tutelares e outras pessoas que integram a rede de proteção à infância em todo o País, as incrições iniciam em outubro
  • A campanha “Trabalho Infantil: Se você cala, não para”, do Ministério Público do Trabalho (combate ao trabalho infantil) ganhou 10 prêmios no Prêmio Pernambuco de Propaganda, entre eles, quatro de ‘ouro’ e o troféu de Grand Prix da Publicidade.
  • O Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB) divulgou nessa quarta-feira (4/10) o edital contendo o regulamento regional do Prêmio MPT na Escola 2017, que premiará os melhores trabalhos literários, artísticos e culturais produzidos pelos alunos de escolas participantes do projeto no Estado.

Procurador do MPT-PB Carlos Eduardo tem foto descerrada na galeria de presidentes da ANPT

O procurador do Trabalho Carlos Eduardo de Azevedo Lima teve sua foto descerrada na Galeria de Presidentes da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT) nessa terça-feira, 25/07. A solenidade contou com a presença de membros da diretoria da ANPT, representantes regionais da Associação e de outras entidades de classe, assim como de membros do Ministério Público do Trabalho (MPT) e de outros ramos do Ministério Público e também do Poder Judiciário.

Na ocasião, o presidente da ANPT, Ângelo Fabiano Farias da Costa, ressaltou que nos quatro anos que Carlos Eduardo Lima esteve à frente da entidade, a Associação avançou muito, construindo uma trajetória de êxitos e, principalmente, de fortalecimento de sua atuação em diversas frentes. Como exemplo disso, ele citou o contato com o Congresso Nacional, com o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), entre outros. O procurador ressaltou também que nesse período de gestão, a ANPT avançou muito em termos de estrutura física.

“Saúdo o colega Carlos Eduardo de Azevedo Lima de maneira pessoal e especial, pois também foi uma referência para mim, pois foi você quem me trouxe para a ANPT, com o apoio dos associados, e aqui estou há cinco anos, onde pude aprender muito no contato com você. Vossa Excelência engrandeceu o trabalho que foi feito por quase 40 anos por esses presidentes que estão aqui hoje que fizeram com que a ANPT se tornasse referência no combate às desigualdades sociais e também em defesa dos direitos corporativos dos membros do MPT”, disse Farias da Costa.

O ex-presidente, por sua vez, disse que a Associação tem uma atuação destacada e que isso se mostra cada vez mais relevante no contexto vivenciado atualmente. Destacou ainda que a entidade se mostra muito importante também quando da necessidade de defesa intransigente das prerrogativas dos direitos dos membros do MPT, da defesa dos direitos sociais e dos direitos humanos na seara trabalhista e da defesa das causas mais caras de toda a sociedade brasileira. “Em um contexto como esse de inegável retrocesso social, é muito bom ter uma Associação que tem essa atuação emblemática e forte, reconhecida no âmbito do Congresso Nacional e no meio político como um todo”, disse Carlos Eduardo.

O procurador falou também sobre a experiência que teve enquanto conduzia a ANPT e destacou que “aqui, falar em trabalho em equipe e em trabalho conjunto não se limita a repetir meras expressões dos modernos manuais de administração, representam, isto sim, a realidade cotidiana que se vivencia na prática com os funcionários, associados e parceiros”.

Citando Voltaire, o procurador afirmou que, embora o escritor francês destacasse que não se pode aprender com a experiência dos outros, “eu ouso discordar do baluarte do iluminismo porque acho que aqui se aprende, e muito, com a experiência que nos é repassada a todo momento pelas inúmeras pessoas com as quais convivemos, representantes das mais diversas instituições e entidades”, ressaltou, concluindo os agradecimentos pela homenagem recebida. “Peço licença para dividir esta homenagem, para mim tão significativa, com todos que escreveram, escrevem e continuam a escrever esta obra coletiva e permanentemente inacabada – porque permanentemente em construção e em permanente aperfeiçoamento – que é a história da nossa Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho”, concluiu.

Ex-presidentes

Quatro ex-presidentes da ANPT participaram da solenidade de aposição da foto do procurador do Trabalho Carlos Eduardo de Azevedo Lima: João Pedro Ferraz dos Passos, Regina Butrus, Fábio Leal Cardoso e Sebastião Vieira Caixeta. Todos se pronunciaram no evento. Confira o que disseram:

João Pedro Ferraz dos Passos

“Fico muito feliz por ver que consegui ajudar na construção de alguma coisa. Fui presidente da Associação na época da Constituinte, então quase tudo que foi conseguido foi com grande apoio do movimento associativo. É muito gratificante vermos que aquilo que foi feito vem sendo mantido, aumentado e reconstruído. Só quero ressaltar que tão difícil quanto construir, e talvez até mais, é manter e fazer com que sejam respeitados os direitos, as prerrogativas”.

Regina Butrus

“Fico muito feliz de ver essa trajetória da ANPT e aqui, hoje, o nosso homenageado é o Carlos Eduardo, com esse incansável ânimo. Eu disse para ele que ele iria marcar a história da Associação porque ele tem todo esse perfil, ele é um líder e é carismático, além de ter essa seriedade e muita disposição. Quero te parabenizar, pois essa homenagem é muito justa, sucesso na sua vida profissional, você fez muito pela Associação. Parabéns!”

Sebastião Caixeta

“Essas fotos contam uma história que foi construída com a colaboração e o esforço de cada um dos presidentes – e não só deles, mas de suas respectivas diretorias-, tenho plena consciência de que conseguimos construir essa história bonita de quase 40 anos. Isso quer dizer que é uma construção efetivamente coletiva e que tem que seguir com novos colegas e fico muito feliz de participar dessa homenagem ao Carlos Eduardo que foi parte da minha diretoria e eu tive a felicidade de comprovar o crescimento e amadurecimento. Ele tem essa qualidade de indignação e de respeito, de lutar pela coisa pública, de lutar por um mundo melhor. Para os associados, ele empenhou as suas melhores forças para que a Associação avançasse nesse período que nós estivemos juntos, quando tive a honra de tê-lo como vice-presidente e depois acompanhando seu brilho nos quatro anos em que esteve à frente da Associação como presidente. Fico feliz por ter participado dessa construção coletiva e de ver que outros colegas deram sequência com muito zelo e com muito brilho.”

Fábio Leal Cardoso

“Conheci o Cadu no dia em que ele entrou no Ministério Público e criamos uma relação pessoal e profissional. Hoje em dia, ele é uma referência para mim. É mais do que merecida essa homenagem. A sua administração foi um divisor de águas na Associação. Meus parabéns, meu amigo, e muito obrigado.”

Fonte: Ascom/ANPT.

Imprimir

  • banner pcdlegal
  • banner abnt
  • banner corrupcao
  • banner mptambiental
  • banner transparencia
  • banner radio
  • banner trabalholegal
  • bunner yt ok
  • Portal de Direitos Coletivos
  • nr